11 junho 2018

Resenha: Nimona


Esse foi o meu primeiro quadrinho e confesso ter amado ler! É produzido com tanto cuidado, com tantos detalhes e tão gostosinho de ler.

Já tinha ouvido falar de Nimona antes, mas nunca tive interesse por quadrinhos (confesso que achava algo muito infantil) até que meu amigo me obrigou a ler e disse que tinha certeza que eu iria amar. E ele acertou! Eu amei!

Nimona é uma "criança" metamorfa e vira comparsa (depois de muito esforço e insistência) de um vilão chamado Ballister Coração Negro. Nimona é muito impulsiva e quer sair matando todo mundo pela frente para realizar o que deseja, porém Coração Negro não gosta de matar as pessoas inocentes, ou sem algum motivo e precisa controlar Nimona o tempo inteiro.

Acontece que diferente do que Nimona pensava, Coração Negro tem apenas um desejo: atingir a instituição (tipo o governo) porque foram eles que titularam ele como vilão e de quebra mutilou o braço dele.

Nimona é uma garota muito esperta, impulsiva, mas que no fundo é apenas uma garotinha que tem sentimentos e sonhos. Ballister Coração Negro, por mais que seja titularizado como um vilão, é fragilizado pelo desprezo e durante todo o livro demonstra ter amor e carinho no seu coração.

A historia em si é linda e quando você vira a ultima página leva consigo ensinamentos e lições (e uma vontade de ler de novo) sem falar que o livro deixa coisas subentendidas que deixa um gostinho de um segundo livro. Uma leitura rápida, com drama, romance, comédia e personagens super cativantes e cheios de personalidade.


Nimona, meu primeiro de muitos quadrinhos! <3

Ah: Ballister me lembrou muito Meu Malvado Favorito!

                                                instagram   facebook     twitter  ❤  

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Criado por: Mariely Abreu | Todos os direitos reservados ©. voltar ao topo